[Resenha - Parceria] Pobre Não Tem Sorte




Título: Pobre Não Tem Sorte
Autora: Leila Rego
Editora: All Print
Páginas: 248
Minha Classificação: ★★★★

Sinopse: 

Toda garota do interior sonha em se casar com o cara de seus sonhos, ter uma casinha, filhos e ser feliz até que a morte os separe, certo?
E se esse cara for lindo, rico, super fashion e divertido?
E se tal "casinha dos sonhos" for um mega apartamento no melhor bairro da cidade?
Uau! Mariana encontrou o cara perfeito e vai se casar com ele!
E nada de casinha! Isso é coisa de gente que pensa pequeno. Mariana vai ter o apartamento dos sonhos que já vem incluso no pacote: case com um homem rico e vá morar em grande estilo.
E quanto a filhos e ser feliz até que a morte os separe... Bem, ela ainda não pensou nesses detalhes. Afinal as prioridades vão para as coisas bem mais interessantes como, por exemplo, o vestido de noiva perfeito, o que o colunista vai dizer sobre o seu casamento no tablóide de domingo, o que as amigas e inimigas irão comentar, quem entrará na lista de convidados para sua despedida de solteira, etc.
Mas isso só sura até um dia em que Mariana... Bom, leiam o livro e descubram.

Resenha:


Em "Pobre Não Tem Sorte", somos apresentados à Mariana Louveira, uma mulher residente em Prudente-SP, que faz de tudo para ser bem falada e entrar na lista das socialites, até mesmo comprar roupas, sapatos e acessórios que seu bolso não pode cobrir.
A vida da garota se torna muito mais badalada quando começa a sair com Eduardo, o popular Edu, o garoto perfeito: lindo, rico e simpático. Enquanto Mariana se preocupa em se sair bem na fita, Eduardo apenas se preocupa com o bem-estar da namorada.
Com o pedido de casamento, então, já viu né? Mariana surta correndo atrás de tudo: igreja, vestido, make up, roupa para os pais, apartamento... literalmente: TUDO. Isso faz com que ela e Edu se distanciem, fazendo com que o rapaz se questione sobre sua vida, namorada e outros.
 "Estou tão perdida, estão tão... A verdade é que não estou acreditando no que acabou de acontecer. Estou sentada na minha cama, tentando entender tudo isso, mais sem tirar os olhos da porta, porque eu tenho certeza que Edu vai abri-la a qualquer momento..."
Leila Rego é a mestra do chick lit brasileiro: ela transforma a personagenzinha fútil e dá uma lição de vida surpreendente e inesquecível ao leitor. É com certeza um livro para ser lido e relido inúmeras vezes. 
Nem preciso dizer que PNTS entrou pra minha listinha de favoritos, não é mesmo? E mais: estou louca para ler PNTS 2, confesso que estou morrendo de saudades do Edu e da Mari ;(


Foto -Leila RegoSobre a Autora: Leila Maria Vicente Dias Rego nasceu em junho de 1974, em Cafelândia, Paraná. Aos quatro anos mudou-se com a família para Alta Floresta, Mato Grosso, onde não havia sequer energia elétrica. Sem televisão, “no meio do nada”, sua infância foi regada de histórias, livros e brincadeiras com os dois irmãos mais velhos.
Os primeiros anos de estudo foram numa escola rural da região, na qual a inesquecível professora Gorette dava aula, numa mesma sala, para alunos de séries diferentes. O desejo de viajar e conhecer outras culturas foi determinante para que, anos mais tarde, optasse pela faculdade de Turismo – cursada em Foz do Iguaçu, Paraná. Entretanto, sua mudança para São Paulo, em 2000, abriu oportunidades em empresas privadas, onde trabalhou por diversos anos na área de Recursos Humanos.



5 comentários:

  1. Depois que eu li a sinopse do livro fiquei com muita vontade de ler!! parece ser muito divertido!
    beijos
    Céu de Letras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E é! Ri, chorei, me emocionei! Muito bom meeeermo!

      Bjkas
      http://antesdeler.blogspot.com.br/

      Excluir
  2. Parece com certeza muito interessante. De vez em quando, todo mundo precisa de um choque de realidade, pra saber estabelecer possibilidades - além de seus próprios luxos.

    Obrigada pela visita, volte sempre ^-^

    xoxo

    ResponderExcluir
  3. Achei o livro interessante. Fiquei com vontade de ler. =)
    Parabéns pela resenha e pela parceria!

    Beijos
    Tífany
    http://osamantesdaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, Nati! Já tinha ouvido falar dessa obra e a primeira impressão que tive é que é um livro bem descontraído e engraçado...
    Se vale a pena ler duas vezes quer dizer que é um livro muito marcante! Entrou na minha lista com certeza!

    Beijos, LÊ Lançanova
    palaciodelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir